Mais um dia de greve dos rodoviários com 100% da frota paralisada

Até o momento nenhum ônibus saiu da garagem

(foto: reprodução da internet)

Pelo 5º dia seguido, rodoviários greve para cobrar reajuste salarial. Após reuniões com os trabalhadores das empresas que atuam no transporte coletivo de Manaus, o Sindicato dos Rodoviários decidiu, na noite desta sexta-feira (1º), manter a paralisação. Os trabalhadores rejeitaram a proposta apresentada pelo Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram), de conceder 1,5% de reajuste salarial, entre outros pontos.

Na manhã deste sábado (1º) nenhum coletivo saiu das garagens, segundo o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram). Em frente a uma empresa de ônibus, na Zona Norte, motoristas e cobradores se concentravam no local por volta das 8h.

A paralisação ocorre mesmo após duas decisões, do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM) e do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 11ª Região, publicadas na quinta-feira (31), que determinam que 60% da frota circule e proíbem a obstrução total ou parcial das garagens por parte dos representante dos rodoviários. (G1 AM)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here