Starbucks Brasil nega ter interesse em abrir cafeteria em Manaus

(foto: reprodução/internet)

Há duas semanas, Aldous Santana, CEO da Azione Education, empresa que adquiriu o braço educacional da Fucapi, ganhou espaço na mídia local com o anúncio de que trará em 2019 uma cafeteria da marca para Manaus. Segundo ele, a Starbucks funcionará dentro de uma escola do centro de ensino que ainda deve ser construída.

A Starbucks Brasil informou, por meio de sua assessoria, não ter previsão de abrir nenhum negócio fora do eixo Rio-São Paulo.

Em uma das entrevistas à mídia local, Aldous Santana chegou a dizer que o negócio com a cafeteria não passava pela Starbucks Brasil. Mas não entrou em detalhes.

A assessoria da Azione Education informou à reportagem que o negócio anunciado por Aldous, de fato, é tratado direto com gestores internacionais da Starbucks, e não com a franquia no Brasil.

Aldous se apresenta à imprensa local como representante do banco dos Emirados Árabes BK Investments que, entre outros negócios, teria relações comerciais com a Starbucks.

Segundo Aldous, o BK Investments seria o principal financiador dos negócios que ele anuncia para Manaus, que iniciam pela aquisição da falida Fucapi. O negócio é acompanhado pelo Ministério Público Estadual (MP-AM).

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here