Portfólio Jurisdicional sim; meme não!

Portal inaugurará coluna que enaltece magistrados amazonenses

(foto: reprodução/internet)

Ontem, 13, a personagem nacional que entrou na fila dos “memes” foi uma juíza estadual.

No meio de uma audiência, o advogado vai fazendo as suas perguntas e a meritíssima resolve tirar um autorretrato revirando os olhos e divulgar na rede social Instagram, chamando a indagação do causídico de “idiota”.

O que justifica tamanha infantilidade e insensatez?

Os concursos não estão aferindo o grau mínimo de maturidade dessas pessoas? Será que uma empresa de concursos ou uma comissão, por mais sérios e especializados que sejam, não conseguem avaliar minimamente a inteligência emocional de um ser humano que pretende passar o resto da sua vida (sim, o cargo é vitalício) decidindo sobre a liberdade, a guarda de crianças, o patrimônio, ou até a vida do seu semelhante?

Ainda bem que não foi no Amazonas. Senão era mais um programa Fantástico que ganharíamos de brinde da Globo.

Aqui nós temos grandes juízas e juízes que colecionam um portfólio jurisdicional de levantar plateias e auditórios e que orgulham os amazonenses.

Em homenagem aos nossos magistrados, inauguraremos no Portal a coluna “Portfólio Jurisdicional”, onde destacaremos a decisão ou sentença que merece aplausos, seja da capital, seja de comarca do interior.

Se você também se orgulha de nossos juízes, encaminhe decisões que publicamos.
Oremos!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here