O senador Eduardo Braga (PMDB/AM) cobrou providências do Ministério da Integração Nacional, nesta quarta-feira (21/06), para socorrer as vítimas das cheias dos rios no estado. De acordo com a Defesa Civil do Amazonas, 39 cidades decretaram emergência e sete estão em situação de alerta em virtude das enchentes.

Acompanhado pelo prefeito de Caapiranga, Antônio Ferreira Lima, o senador detalhou ao ministro Helder Barbalho o drama das mais de 1.300 famílias da cidade, a maioria concentrada na zona rural, que tiveram suas casas e plantações alagadas. “Caapiranga está debaixo d´água e a população sofre”, disse Eduardo Braga.

Sensível aos apelos e às condições dos amazonenses do interior, Barbalho encaminhou as solicitações de Caapiranga para áreas técnicas da pasta e anunciou, diante de Eduardo Braga, a liberação de R$ 226 mil para atender os atingidos pelas cheias no município de Anamã. Conhecida como a “Veneza do Amazonas”, ela está completamente tomada pelo Rio Solimões e com seus principais serviços comprometidos. As escolas suspenderam o ano letivo, e o acesso às unidades de saúde só é feito por meio de canoas.

Obras – Eduardo Braga discutiu, ainda, no Ministério da Integração Nacional, a construção de orlas em oito municípios, como Urucurituba e Jutaí, e a disponibilidade de verbas para diversas obras no estado, como a construção de poços artesianos e a pavimentação de vias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.