Junho é o prazo limite para propor adiamento das eleições, diz futuro presidente do TSE

O ministro disse que necessário prazo para testagem das urnas e que eventual adiamento das eleições será definido pelo Congresso

0
(Charge: Amarildo)

O futuro presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Luís Roberto Barroso afirmou neste domingo (3) que a Justiça Eleitoral precisa começar, até junho, os testes das urnas eletrônicas. Caso contrário, será preciso adiar as eleições municipais.

O ministro explicou ainda que a alteração das datas precisa ser feita pelo Congresso Nacional, composto pela Câmara dos Deputados e Senado Federal, já que a marcação das eleições para o primeiro fim de semana de outubro está prevista na Constituição Federal.

Apesar disso, diz, cabe ao TSE informar os parlamentares sobre os óbices de manter a eleição para a data prevista.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.